Notícias e Eventos Blue Solutions

Atualizações sobre produtos, Informações Técnicas, Dicas para Ambientes de TI, Virtualização, NOC, Operações de TI, Serviços de Segurança, Serviços Gerenciados, Recuperação de Desastres, Continuidade de Negócios e notícias da Blue Solutions.

Atualização Vmware VSPHERE 5.5

Nenhum comentário
   A VMware concretizou no dia 1 de maio de 2014 o fim do ciclo de vida do vSphereESX hypervisor 4.X e vMA.

    O fim da disponibilidade (“EoA”, End of Availability) para o VMware vSphere® ESX hypervisor 4.x e para o VMware Management Assistant (“vMA”) versões 1 e 4 acompanharam o lançamento do vSphere 5.5.
    As versões anteriores não mais terão disponíveis nenhum programa ou chave de licença para o vSphere ESX hypervisor 4.x ou o vMA versões 1 e 4.
    A melhor alterantiva é a atualização para a nova versão da plataforma de virtualização da VMware, VSphere 5.5.
    De fato esta nova versão trouxe algumas novas funcionalidades e também mudanças interessantes, principalmente com relação às configurações máximas, como por exemplo, o novo limite de 62TB para discos virtuais.

    Listamos para você algumas (Das muitas)  novidades que acompanham a nova versão e os benefícios que ela trará.

- Hot-Pluggable PCIe SSD Devices

    Foi adicionada ao ESXi a capacidade de adicionar e remover dispositivos SSD (Solid State Disks) “a quente”, ou seja, assim como já acontecia com discos SATA e SAS, agora é possível adicionar um disco SSD ao servidor ESXi sem a necessidade de desliga-lo.

- Suporte a tecnologia RMT (Reliable Memory Technology)


    A tecnologia RMT é uma funcionalidade que alguns fabricantes de hardware (no momento só encontrei informações sobre RMT através da DELL), que permite que setores físicos da memória que apresentem problemas sejam isolados e em seguida “escondidos” do sistema operacional, e também reporta quais as áreas da memória são mais confiáveis. Esta nova versão do ESXi é capaz de utilizar essas informações para otimizar o posicionamento do VMkernel e outros componentes críticos dentro da memória, prevenindo que erros de memória aconteçam.


- Melhorias no gerenciamento de energia

    Até a versão 5.1, a política “Balanced” de gerenciamento de energia de um host ESXi utilizava apenas os estados de desempenho do processador (P-state), o qual mantêm o processador rodando em frequências e voltagens menores. Com o VSphere 5.5, os estados operacionais do processador (C-state) também são utilizados, permitindo maiores economias no consumo de energia.



- Melhorias no vCenter Server Appliance

    O vCenter Server Appliance (vCSA), appliance virtual baseado em Linux com o Virtual Center embutido, ganhou uma melhoria significante nesta nova versão. Até então, o database que já vem incluso no appliance, um Postgres, era recomendado apenas para ambientes menores (5 hosts ou 50 VM’s). Essa era uma das razões que ainda levavam muitos a optar pela versão Windows do Virtual Center. Com o lançamento do VSphere 5.5, este banco de dados, ainda um Postgres, pode suportar até 500 hosts e 5.000 VM’s.

- VSphere App HA


    Umas das novidades do Vsphere 5.5 é a introdução do VSphere App HA. Nas versões anteriores o VSphere HA, era capaz de monitorar o status de uma máquina virtual através do VMware Tools e reiniciá-la em caso de falha no recebimento dos pacotes de heartbeat. Assim como também era capaz de reiniciar as máquinas virtuais em outros hosts ESXi no caso de o host em que a VM estava viesse a falhar. Com o VSphere App HA, um novo nível de monitoramento foi adicionado. O VSphere App HA é capaz de monitorar se uma determinada aplicação parou de responder e então tentar reiniciar somente a aplicação, e caso não consiga, aí sim ele reinicia a VM. Neste momento, somente as aplicações a seguir são suportadas:

  • Microsoft SQL 2005, 2008, 2008R2, 2012;
  • Tomcat 6.0, 7.0;
  • TC Server Runtime 6.0, 7.0;
  • Microsoft IIS 6.0, 7.0, 8.0;
  • Apache HTTP Server 1.3, 2.0, 2.2 

- Aumento no tamanho do limite de um VMDK

    O limite de 2TB para discos virtuais não existe mais. Com o lançamento do VSphere 5.5, agora é possível a criação de discos virtuais (vmdk) e discos RDM (tipo virtual mode) com até 62TB, tanto em datastores VMFS como em datastores NFS.

  Algumas considerações importantes sobre essa novidade:

   A expansão de discos virtuais maiores de 2TB só pode ser feita de forma off-line;
Não é possível expandir ou manipular um disco maior que 2TB utilizando o VSphere Client, é necessário utilizar o VSphere Web Client.

- Suporte fim a fim de HBA’s de 16GB

    No vSphere 5.5, a VMware fornece o suporte fim a fim de conexões FC de 16Gb. Tanto as HBA’s como as controladoras do Storage podem ser executadas a velocidades de 16Gb, desde que o switch FC entre eles suporte.

    O vSphere 5.5 introduziu algumas melhorias e capacidades de rede fundamentais para simplificar ainda mais as operações, melhorar o desempenho e garantir a segurança em redes virtuais. A seguir estão algumas das principais melhorias nos recursos desta versão:
  •    As melhorias nas funcionalidades de agregação de link (LACP) permitem a escolha de vários algoritmos de hash e também aumenta o limite no número de grupos de agregação de link (LAG’s);
  •     Aumento na segurança de portas é ativado através do suporte a filtragem de tráfego;
  •    Priorização de tráfego na camada 3 aumenta o suporte a qualidade do serviço (QoS);
  •    Uma nova ferramenta de captura de pacotes semelhante ao tcpdump;
  • Suporte a placas de rede de até 40 Gb; 

Para saber um pouco mais sobre a atualização do Vmware SPHERE entre em contato com a Blue Solutions, uma equipe técnica estará a sua disposição.




Nenhum comentário :

Postar um comentário