Notícias e Eventos Blue Solutions

Atualizações sobre produtos, Informações Técnicas, Dicas para Ambientes de TI, Virtualização, NOC, Operações de TI, Serviços de Segurança, Serviços Gerenciados, Recuperação de Desastres, Continuidade de Negócios e notícias da Blue Solutions.

Previsões de Segurança para 2015: Socorro! Chamem o médico da TI. Meu Hospital está sendo atacado outra vez!

Nenhum comentário
O setor de saúde terá um aumento substancial nas campanhas de ataques de furto de dados.

“A indústria de saúde é um dos principais alvos para os cibercriminosos. Com milhões de registros de pacientes agora em formato digital, o maior desafio do setor para 2015 será impedir que as informações pessoais de identificação escapem por lacunas na segurança e caiam nas mãos de hackers”, diz Carl Leonard, principal Analista de Segurança da Websense® Security Labs.



De acordo com o Identity Theft Resource Center, os registros de saúde foram responsáveis por 43% das principais violações de dados reportadas em 2013. Registros médicos e dados de pacientes são alvos lógicos para os criminosos digitais. Os registros de saúde representam um tesouro repleto de dados valiosos para um atacante. Nenhum outro tipo de registro único contém tantas Informações Pessoais Identificáveis (PII, Personally Identifiable Information) que podem ser usadas em uma infinidade de ataques de acompanhamentos diferentes e variados tipos de fraude. Os registros de saúde não contêm apenas informações vitais sobre a identidade de uma pessoa (nome, endereço, seguro social), mas também com frequência estão vinculados a informações financeiras e de seguros. O acesso a PII permite que um atacante cometa fraudes de identidade, enquanto as informações financeiras podem levar à exploração financeira. Trata-se de uma área de ataque secundária lógica e lucrativa para cibercriminosos já atuantes no roubo de dados de cartões de crédito.

Profissionais de saúde também estão em risco. Com frequência, eles tendem a contornar políticas de segurança de TI para atender melhor os pacientes. Em uma emergência médica, as apostas não poderiam ser mais elevadas. Quando um médico ou enfermeiro precisa dos recursos do computador para acessar dados porque a saúde de um paciente está em risco, a política de TI fica em segundo lugar em relação à saúde do paciente. No calor do momento, esse comportamento pode elevar os riscos de ameaças digitais ou resultar no acesso e armazenamento de informações confidenciais sem segurança.

Isso também ocorre em ambientes do setor de saúde que estão em transição dos registros para o formato digital e eletrônico. Embora tenha ocorrido um grande impulso político para tal migração digital dos registros, a segurança de hospitais e nos cuidados médicos (especialmente em consultórios menores) ainda não está atualizada ao desafio de proteger os dados valiosos de pacientes.

Como resultado, os ciberataques direcionados às organizações de saúde manterão rápida ascensão em frequência e êxito.

Faça o Download do Relatório de Previsões de Segurança para 2015 da WebSense® Security Labs


Fonte: Relatório: Previsões de Segurança para 2015 da WebSense® Security Labs.

Nenhum comentário :

Postar um comentário